Cronologia – PSP ou PlayStation Portable Parte 2

Está não é a história completa do PSP, mas sim apenas a cronologia do tempo do console, posteriormente vamos fazer outro post contando a história completa do primeiro portátil da Sony ( o Pocketstation não conto como console).

2008 – Em Março a Sony lança mais um acessório para o portátil: GPS Receiver PSP-290. Este, em conjunto com o programa Go!Explore, transforma o PSP em um GPS,  que cobre vários países na Europa, com mapas e elementos em pontos de interesse em 2D e 3D. Casa mapa possui 11 idiomas ( dentre eles o português de Portugal).

No mês de Outubro a Sony faz novos ajustes e atualização do portátil lançando o PSP-3000. Embora o design seja o mesmo do anterior, as novidades foram o microfone na parte frontal, suporte de saída de vídeo e tela LCD melhorada com película antirreflexo. Via atualização do firmware, foi adicionado o serviço Skype VoIP, permitindo usar o portátil para fazer chamadas via Skype por meio de conexão Wi-Fi.

2009 – Com a atualização 3.60 e um cabo de vídeo componente lançado para o portátil, o PSP-2000/3000 pôde reproduzir jogos, filmes e ouvir música na tela da TV, desde que esta tenha suporte a 480p. O PSP-1000 não possui suporte a este recurso.

Em Junho é lançado a atualização de firmware 6.20, tornando o sistema apto a rodar revistas em quadrinhos digital por meio da barra XMB.

No mês de Outubro de 2009 a Sony lança uma nova versão do portátil. Desta vez, o design do sistema foi totalmente modificado – o formato do modelo 3000 foi abandonado e o aparelho ficou mais compacto e com tela deslizante. O modelo N1000, chamado de PSP Go, abandonou totalmente o uso de UMD, dedicando-se a conteúdo via download pela PlayStation Store – além de usar headset sem fio, permite acoplar o controle Sixaxis ou DualShock 3 do PS3. A Sony mentém o PSP Go coexistindo com o PSP-3000, lançando jogos tanto em UMD quando em formato digital.

2010 – Junho, o jornal inglês Wall Street revela que a Sony trabalha em um novo portátil, o verdadeiro sucessor do PSP. Shuhei Yoshida, presidente da SCE Worldwide Studios, admite em entrevista que havia um novo hardware da família PlayStation em desenvolvimento.

Em agosto do mesmo ano o PSP passa em um processo de certificação da Anatel e do Inmetro para que possa ser comercializado, legalmente no Brasil.

Outubro de 2010 nos EUA, é lançado o jogo InviZimals, que vem com um novo modelo de câmera para o portátil, a PSP-450x. Ela tem 0.3 megapixel, tira fotos com resolução máxima de 480×272 e grava vídeos de 640×480 com áudio.

Em dezembro do mesmo ano a Capcom lança no Japão, o jogo Monster Hunter Portable 3rd, um dos maiores fenômenos de vendas da história (tanto do portátil quando da própria Capcom). Só na semana de lançamento, foram vendidas mais de 2 milhões de unidades e, ai final do mês, eram mais de 4 milhões! Com o pacote especial Monster Hunter 3rd Bundle, contendo o PSP tematizado com o jogo, no mesmo período foram vendidas mais de 326,639 mil unidades do portátil.

2011 – Janeiro o PSP modelo 3010, começa a ser oficialmente vendido no Brasil. Sem muito alarde o aparelho surge na loja online Sony Style, ao preço de R$ 1299,00. No mesmo mês no Japão, a Sony realiza uma conferência de imprensa para oficializar o sucessor do PSP, chamado no momento de Next Generation Portable (NGP).

Março de 2011, com a redução de preço estabelecida mundialmente pela Sony para o PSP (o PSP Go passa a custar US$199 e o PSP-3000, US$129), a versão brasileira passa a custar R$969,00. A Sony Brasil também anuncia que uma linha de jogos para o portátil será lançada com preços reduzidos do País. Em todo o mundo, o PSP vendeu mais de 67 milhões de unidades.

Clique Aqui para Voltar a Parte 1

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

%d blogueiros gostam disto: