Cronologia – PSOne – Parte 2

Está é a continuação do nossa cronologia sobre o primeiro PlayStation, aqui não estamos contando toda a história do console, isso vai ficar em um post separado, o que é dito aqui só são os principais fatos na história do PSOne, então continue acompanhando.

1998 – Tekken 3 vende 1 milhão de cópias em seu primeiro dia nas lojas japonesas, um feito incrível. Muitos jogadores consideram Tekken 3 como o grande jogo de luta do PlayStation. O título estabeleceu um novo padrão de qualidade para conversões de jogos de fliperama.

Em Setembro do mesmo ano, o PlayStation completa três anos nos Estados Unidos e comemora com uma redução de preço: o console passa a custar US$129. Não há como cotestar o primeiro lugar absoluto do console na industria de games, até nos EUA, onde a luta contra o Nintendo 64 foi um pouco mais complicada no inicio. Os acessórios também caem de preço, e o Dualshock se populariza muito mais.

Metal Gear Solid foi lançado em Setembro no Japão, mas a versão americana só chegou em Outubro. Em vez de falarmos  que o jogo vendeu 6 milhões de cópias ou que inventou  o gênero Steath, podemos dizer que MGS avançou toda a industria dos games em alguns anos. Hidei Kojima não teve medo de fazer um jogo muito maior que o PlayStation poderia  aguentar, e enfiou  horas de diálogos dublados em dois CDs e manteve uma relativamente curta experiência de 8 à 10 horas (padrão dos jogos atuais) detalhada a perfeição.

No mês de Novembro alcança 50 milhões de unidades vendidas no mundo antes de completar quatro anos no mercado. Os EUA já possuem mais consoles do que o Japão. Até o fim do ano, o número de jogos licenciados para o sistema ultrapassa a marca de 3 mil, somando as três regiões.

1999 – Chega o Pocketstation no Japão, e permanece por lá. Este pseudo-PDA, um Memory Card com tela LCD e botões, foi popular no Japão, mas do que a Sony esperava. Era possível usá-lo com jogos compatíveis no PS1 para baixar minigames, que geralmente liberavam itens extras nos jogos do console. Os jogos mais famosos a darem suporte ao periférico foram Final Fantasy VIII (era possível habilitar duas  invocações_ e Ridge Race Type 4.

Em Fevereiro de 1999 chegou Final Fantasy VIII que teve o maior lançamento da história do PlayStation. Foram 2,5 milhões de cópias vendidas em menos de uma semana no Japão, batendo em 200 mil unidades o recorde do episódio anterior.

2000 – O PSOne, revisão de hardware do console, é lançado em julho no Japão e em setembro no Ocidente. Foi  ao que a Sony a moda do console slim para diminuir custos e dar novos atrativos a um hardware já antigo. Além de ser menor e mais leve que o original, não havia muita diferença entre eles, a não ser a ausência das portas serial e paralela, que eram pouco usadas ( serviam para ligar dois consoles para jogar em rede e plugar acessórios como Game Shark).

2001 – O PSOne ganha uma tela de LCD com cinco polegadas para torná-lo semiportátil. A tela se encaixava perfeitamente ao console e, além de exibir os jogos, pode mostrar fotos e filmes de câmera digitais pela entrada de áudio e vídeo.

2004 – São lançados os últimos títulos para o primeiro PlayStation no Japão, Black/Matrix 0, adaptação de um jogo de Game Boy Advance, foi lançado em 13 de maio. No Ocidente, Fifa 2005 apagou a luz do console no dia 8 de outubro. Contando todo tipo de versão em todos os territórios, o PSOne chegou a marca de mais de 7 mil jogos em um período de mais de nove ano, uma marca sem precedentes.

2005 – Em setembro de 2005 o PlayStation alcança a marca de 100 milhões de unidades vendidas em todo o mundo, sendo o primeiro console a conseguir esta proeza. O único a repetir o feito ( e superá-lo por uma boa margem) foi o PlayStation 2. Em pouco mais de 10 anos, a plataforma conseguiu passar de estreante desconhecida a um dos hardwares mais importantes da história do entretenimento digital. Nesta época, o console já era vendido por US$70 por muitas lojas.

2006 – Quase 12 anos após  o lançamento do seu primeiro console, a Sony encerra a produção do PlayStation original. A festa, porém, continuou, e batia novos recordes com o PlayStation 2 que vamos abordar em uma Cronologia Futura… Então Aguardem.

Link para a Parte 1

One Response to Cronologia – PSOne – Parte 2

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: